Dicas de segurança residencial: fim de ano sem riscos

Dicas de segurança residencial no fim do ano - Foto de Dzenina Lukac no Pexels

O fim do ano está batendo à porta e muitas pessoas se preparam para viajar. Ainda que a sua casa conte com um sistema completo de segurança, é fundamental se atentar para outras práticas que podem favorecer a segurança em períodos como esse. Afinal de contas, é comum que a casa fique sem ninguém, né? E essa é uma condição que chama muita atenção de criminosos. 

Hoje, preparamos algumas dicas de segurança residencial que vão ajudar a deixar a sua casa mais segura, especialmente quando ela estiver vazia. Ah, as dicas são voltadas para o fim do ano, mas a maioria delas pode ser aplicada no dia a dia, quando a família toda está fora a trabalho, por exemplo. Vamos lá! 

7 dicas para garantir a segurança da sua casa enquanto você está viajando 

1.   Antes de tudo, faça o óbvio

Cheque as portas e as janelas: todas estão trancadas e o acesso à fechadura ou abertura não está acessível para qualquer externa? Além disso, lembre-se de comunicar os seus vizinhos que vão estar em casa na época. Avise-os que você e sua família estarão fora e peça a gentileza de entrarem em contato em caso de qualquer atividade suspeita. Quanto mais gente (de confiança, claro) souber, maior a sensação de segurança

2. Verifique quais são os pontos frágeis da sua casa

Você certamente já fez um checklist (ou ao menos tem isso em mente) de quais são os pontos que dão acesso à entrada da sua casa além dos óbvios como portas e janelas. Então garagem, corredores, portão etc.: todos devem ter a segurança reforçada. Cheque que todas as fechaduras estão funcionando bem, se os cadeados, correntes e travas de segurança estão em perfeito estado e por aí vai. Se alguém perdeu as chaves da casa recentemente, é muito importante que as fechaduras sejam trocadas, pois não há como saber se outras pessoas tiveram acesso. 

3.   Invista em sensores de presença

Existem alguns sensores que acendem a luz quando alguém passa. Isso pode ser muito útil para afastar criminosos, já que a luz pode inibir os suspeitos, além de facilitar que outras pessoas identifiquem movimentos suspeitos. 

4.   Tem carro em casa? Atenção redobrada!

É muito comum que alguns furtos e roubos aconteçam especificamente para retirar algo que está dentro do carro. Portanto, além de um seguro (claro!), garanta que você não está deixando nenhum item de valor dentro dele. Se isso for inevitável, prefira deixar em locais em que os itens fiquem menos visíveis, como no porta-malas. Se o carro tiver alarme, ótimo, lembre-se de checar se ele está ativado antes de sair. 

5.   Conte com câmeras de segurança 

Um sistema completo e efetivo de câmeras de segurança pode ser um dos seus melhores aliados para garantir a segurança da sua casa. No caso da plataforma da Cidade Mais Segura, por exemplo, esse sistema pode ser feito a partir do conceito de vigilância colaborativa: um grupo de moradores contratam o serviço e todos eles têm acesso às câmeras de segurança da região – cada um com um usuário e senha, claro. Isso pode trazer uma sensação de segurança ainda maior, já que você sabe que existem outras pessoas de confiança tendo acesso aos recursos. Além disso, também é possível acionar uma central de qualquer lugar, mesmo que você esteja do seu celular. 

6.   Evite deixar óbvio que não há ninguém em casa

Essa é uma das mais importantes dicas de segurança residencial:

Saber que há movimento em algum lugar tende a afastar criminosos ou inibir eventuais crime. Portanto, deixar alguma luz de casa acesa pode ser uma boa ideia. Algum vizinho de confiança pode passar para recolher as correspondências ou lixos que possam eventualmente ter caído próximo da entrada. Isso é o ideal especialmente em viagens longas, pois quando há muito “lixo” no entorno, há a sensação de que o local está abandonado. 

7. Verifique a plataforma da Cidade Mais Segura 

Se você é cliente da plataforma Cidade Mais Segura, uma das maiores do segmento da América Latina, certamente a sua viagem será mais tranquila. Como falamos no tópico anterior, por meio dela você poderá acessar as câmeras de onde você estiver, a partir de qualquer dispositivo, além de saber que os seus vizinhos também poderão acessar as mesmas filmagens. E, ah, se você ainda não contratou o nosso serviço, também pode ter um auxílio: acesse o nosso site e, na seção “Câmeras ao Vivo”,  verifique as câmeras públicas que estão próximas da sua região. 

Boas festas e um fim de ano muito seguro para você e sua família! Esperamos que aproveite as dicas de segurança residencial que separamos para você. Caso queira garantir mais tranquilidade nesse período, aproveite para falar conosco! Entre em contato pelo WhatsApp clicando aqui e vamos agendar uma reunião. 

Outros posts que pode te ajudar…

Afinal, qual a melhor posição para instalar câmeras de segurança?

Afinal, qual a melhor posição para instalar câmeras de segurança?

Recursos para que nos sintamos cada vez mais seguros – seja em casa, no trabalho ou no condomínio – existem aos montes por aí. Contudo, saber quais são realmente eficazes (e sobretudo adequados) para a realidade de cada um é o maior desafio. E isso, claro, envolve o...

Afinal, o controle de acesso é realmente importante?

Afinal, o controle de acesso é realmente importante?

Entre as várias ferramentas disponíveis no mercado e nos sistemas de segurança que são comercializados atualmente, está o controle de acesso. Mesmo que você não saiba detalhes sobre ele, muito provavelmente já ouviu falar! Hoje, vamos aprofundar neste tema e explicar...

0 comentários